Projeto elétrico residencial e economia de energia

Pensar em um projeto elétrico residencial traz uma série de benefícios para o imóvel. Fatores como segurança, organização, correção da estrutura e uma série de benefícios adicionais são as principais razões pela escolha.

Muita gente esquece, nesta lista, a economia de energia, que pode ser um resultado importante de um projeto de executado.
Saiba mais sobre o que é um projeto elétrico residencial, quais são suas vantagens, e como ele impacta na economia de energia do imóvel:

Afinal, o que é um projeto elétrico residencial?

Um projeto elétrico nada mais é do que uma representação gráfica de absolutamente toda a parte elétrica presente em um imóvel residencial. Nele, cada fio, cada detalhe e cada observação estarão representados e descritos, com base na análise feita para que o projeto esteja perfeitamente adequado às demandas do imóvel.

Pode-se dizer que o projeto elétrico é uma espécie de “planta” da eletricidade da casa, em alusão às plantas da engenharia civil e arquitetura.

Quais são as vantagens de um projeto elétrico?

Entre as principais vantagens que podem ser apontadas na execução de um bom projeto elétrico, destacam-se:

Valorização do imóvel

Um projeto elétrico correto deixa a casa completamente regularizada neste quesito. Isso significa que o seu imóvel se torna mais valioso, pois não exigirá mudanças de um eventual proprietário novo, nem estará em inconformidade com as regulamentações do setor.

Maior segurança

Um projeto elétrico bem planejado e executado reduz significativamente o risco de acidentes, falhas e consequências negativas. Isso significa que investir nele significa mais do que economia de energia ou questões financeiras: é uma forma de garantir que você e sua família estarão em segurança dentro do próprio lar.

Dimensionamento ideal para suas necessidades

Evitar o superdimensionamento e o subdimensionamento gera uma série de benefícios. Em primeiro lugar, garante que a residência esteja suprida de toda a demanda que precisa. Ao mesmo tempo, é a certeza de que nada foi desperdiçado, ou incorrerá em custos completamente desnecessários.
O dimensionamento correto de um projeto elétrico é o ponto ideal que define a qualidade do serviço prestado!

Redução dos desperdícios na construção

Outra grande vantagem financeira do projeto elétrico residencial é o fato de que, como todos os materiais estão documentados no projeto, não é necessário comprar material excedente com o medo de “faltar” durante a obra. Aquilo que é registrado será utilizado e pronto – sem desperdício e sem falta!

Facilidade em mudanças futuras e manutenção

Ter registrado o projeto elétrico residencial permite que qualquer outra pessoa ou empresa que precise mexer em seu imóvel saiba exatamente onde está cada aspecto relevante a ser levado em consideração. Isso significa que não será gasto tempo para procurar algo, nem ocorrerão acidentes por mera desinformação.

Com um projeto que foi executado à risca, toda manutenção ou adaptação torna-se muito mais fácil, pois o profissional que irá executar o serviço sabe exatamente o que foi feito ali.

Economia de energia é feita a longo prazo

Quando falamos de energia elétrica, é essencial entender que os atalhos são a pior estratégia quando o objetivo é economia de energia de verdade. Um bom projeto elétrico residencial gera durabilidade, redução de custos futuros, facilidade de manutenção, e ainda evita desperdício de materiais.

Essa economia se traduz desde o primeiro interruptor que você ativa, de minuto a minuto. A longo prazo, a diferença será enorme, somada de toda a segurança e tranquilidade resultantes deste tipo de serviço.

Por isso, o projeto elétrico residencial deve ser sempre interpretado como parte fundamental, e não como um luxo, no processo de construção. Sabe-se que o percentual destinado à parte elétrica, frente a total da obra, é relativamente baixo, o que torna essencial investir em qualidade neste quesito.